Comportamento

Entenda por que você é seu pior inimigo e o que fazer para vencer a si mesmo

Entenda por que você é seu pior inimigo e o que fazer para vencer a si mesmo

6 minutos Não é novidade afirmar que o nosso pior inimigo está na imagem que cada um de nós ver no espelho. É justamente essa pessoa que vemos refletida que nos tira a vontade de lutar, que nos limita, que não acredita em nosso potencial, que nos deixa com raiva, com medo, triste, inseguro, culpado, intolerante. E também confusos, pois ela nos faz acreditar que a culpa de sermos o que somos é de todos, menos nossa. Somos vítimas de um mundo injusto, uns Continue lendo

Por que é preciso desacelerar em um mundo cada vez mais veloz?

Por que é preciso desacelerar em um mundo cada vez mais veloz?

7 minutos Seria chover no molhado se eu abrisse esse texto explanando sobre a velocidade que temos que lidar nos tempos atuais. Tudo tem que ser para ontem! Esperar a luz verde de semáforo ou a vez de ser atendido na caixa do banco pode tirar completamente nossa paciência. Aliás, o próprio conceito de paciência vem se tonando cada vez mais distante do cotidiano das pessoas, especialmente as urbanas. Mas não vou me prender a esse tópico. Não, por enquanto. Em vez disso, lhe Continue lendo

Como desenvolver a concentração em um mundo cheio de distrações?

Como desenvolver a concentração em um mundo cheio de distrações?

7 minutos Se você se sente incomodado (a) por não conseguir manter o concentração nas atividades do seu cotidiano e acha que a culpa é das estrelas, peço que se esforce um pouquinho para ler o texto a seguir até a última linha, mesmo que lhe custe uma leve dor de cabeça no final. Pois bem… Tenho uma rotina diária. Pelo menos três vezes na semana, conforme o compromisso que firmei comigo mesmo, vou para academia exercitar esse corpinho que Deus me deu. No Continue lendo

Questão de Foco: uma coisa de cada vez

Questão de Foco: uma coisa de cada vez

9 minutos Em tempos em que o foco parece ser algo sobrenatural, especialmente pela quantidade de informações despejadas das diversas fontes tecnológicas, fazer uma coisa de cada vez parece ser impossível e até pouco produtivo. Mas não precisa ser assim. A biologia, a física, a filosofia e o bom senso estão resgatando uma regra de ouro que aprendemos há muito tempo, quando apenas jogávamos varetas. Certa vez, muito intrigado, um discípulo abordou seu velho mestre: – Como o senhor, de idade tão avançada, parece Continue lendo

Como o ciúme pode destruir suas relações e o que fazer para combatê-lo

Como o ciúme pode destruir suas relações e o que fazer para combatê-lo

4 minutos Que sentimento terrível é o ciúme. Trata-se de uma manifestação de vaidade (na maior parte das vezes) que a maioria interpreta equivocadamente como uma manifestação de amor. Acredite, não é amor!!  É pura idiotice “justificada” por uma insegurança cavalar ou apenas pelo ego inflado. Muitas barbaridades já foram cometidas “em nome do amor”, onde o ciúme prevaleceu. A arte nos deu exemplos memoráveis, como a história de Otelo e Desdêmona, um dos maiores clássicos de William Shakespeare, que inspirou óperas e peças Continue lendo

Revelada a verdade que muitos pais desconhecem: seus filhos são seres humanos!

Revelada a verdade que muitos pais desconhecem: seus filhos são seres humanos!

6 minutos Desde adolescente trago um ideal no qual me mantenho fiel até hoje. Trata-se da decisão de não trazer mais ninguém a este mundo, ou seja, não desejo ter filhos. Na época, parte da decisão foi baseada em projeções mostradas por relatórios como o da ONU, que alertava sobre o crescimento populacional versus recursos do planeta para sustentar todo esse povo. Também foi levado em conta os projetos pessoais, que não seriam concretizados caso eu tivesse sido pais. E olhando em retrospectiva, fico Continue lendo

Paixão: sem ela, você está mais próximo do cemitério do que possa imaginar

Paixão: sem ela, você está mais próximo do cemitério do que possa imaginar

3 minutos Quando alguém menciona que fulano está apaixonado, a conotação imediata é que ele está envolvido emocionalmente com uma pessoa. Interpretação absolutamente comum. Entretanto, poucos observam um contexto mais amplo para o sentimento chamado paixão. No genial filme Beleza Americana, brilhantemente estrelado por Kevin Spacey, o personagem Laster Burnhan levava uma vida familiar monótona e sem amor, trabalhando há anos em um emprego que odiava. Vivia como um zumbi, apenas lutando para sobreviver ao massacrante cotidiano.   Certo dia, ele conheceu a estonteante Angela Continue lendo

Entenda porque sua mente é um depósito de lixo e o que se pode fazer para virar o jogo.

Entenda porque sua mente é um depósito de lixo e o que se pode fazer para virar o jogo.

6 minutos Na canção Comida, um dos clássicos inseridos no aclamado disco Jesus Não Tem Dentes no País dos Banguelas, quarto disco dos Titãs, Arnaldo Antunes pergunta insistentemente: você tem sede de que? você tem fome de que? O funk pesado, além da batida contagiante, coloca uma questão em nossas mentes. O que, realmente, queremos alcançar em nossas breves vidas, neste planeta? Sem pensar muito, responda as seguintes perguntas: 1 – Você abasteceria seu carro em um ponto onde o preço da gasolina é Continue lendo

Como a cultura da culpa influencia sua vida pessoal e profissional?

Como a cultura da culpa influencia sua vida pessoal e profissional?

4 minutos   Em minha experiência no mundo corporativo, aprendi a lidar e a combater o que batizei de cultura da culpa. Trata-se de hábitos arraigados em um ultrapassado estilo de administração que priorizam achar o culpado pelos problemas e não juntar esforços para resolvê-los. Em nossa vida pessoal, também caímos nessa armadilha. Adoramos achar culpados. Está no automático do nosso subconsciente. Se algo não vai bem, sempre existe a possibilidade de apontar a responsabilidade para outrem e não para nós mesmos. Até que Continue lendo

Aprender a ouvir (e não apenas escutar) pode fazer uma enorme diferença na sua vida

Aprender a ouvir (e não apenas escutar) pode fazer uma enorme diferença na sua vida

5 minutos Você sabe qual é a diferença entre ouvir e escutar? A princípio, parecem ser a mesma coisa, mas examinando o conceito de cada uma das palavras, é possível perceber aspectos bem distintos. Muitas vezes escutamos, mas não ouvimos. Quando aprendemos a ouvir verdadeiramente, novas conexões mentais são formadas. Percebemos novos padrões, novas perspectivas, impossíveis de serem percebidas quando apenas escutávamos. Escolhi um episódio distante (e marcante) de minha vida para exemplificar essa teoria. Bem no início da minha carreira profissional, fui um Continue lendo